quinta-feira, 17 de junho de 2010

...uma Gata num mundo de Cabras e de Cabrões!


Depois da cena, ELE contactou-me e disse-me que ELA tinha ficado triste e que estava arrependida.

ELE, com voz de mel, também me disse que não gostava que estivéssemos zangadas e que queria que fizéssemos as pazes.

Primeiro ri-me. Mas depois disse-lhe que se é ELA quem está arrependida, é ELA quem tem que contactar-me, e não é ELE!

Eu tenho cara de parva mas não sou parva, eu sei muitooo bemmm porque é que ELE me contactou, portanto terminei a conversa mas assegurei o descanso de AMBOS: se um dia, o marido da criatura sabe do caso, não é por mim... que eu sou uma Senhora.

PS: ohhh, ELA está tãooo arrependidaaa, no entanto ainda não me contactou...

6 comentários:

L'Enfant Terrible disse...

Que grande novela!

Maria disse...

Eh c@bredo lindo. Tu afasta-te dessa g@ja.

bj

hierra disse...

A tua atitude é a melhor, porque lá diz o ditado: entre marido e mulher não metas a colher...corre sempre mal para quem mete :)

GATA disse...

L'ENFANT TERRIBLE: mas eu não sou a actriz principal, somente fiz uma participação especial... :-)

GATA disse...

MARIA: já me afastei e já a apaguei da minha lista e... da minha vida!

Turrinhas!

GATA disse...

HIERRA: nem entre marido e mulher, nem entre mulher e... amante! :-)