terça-feira, 18 de novembro de 2014

ANTHÍMIO DE AZEVEDO: 1926/2014


O meteorologista português ANTHÍMIO DE AZEVEDO faleceu ontem, com 88 anos, de doença prolongada. 

«Simpático, afável e sereno, Anthímio de Azevedo foi uma companhia para o jantar de muitas famílias portuguesas durante largos anos. Pouco depois do Telejornal da época, no tempo em que a RTP tinha mira técnica para justificar uma interrupção de emissão, Anthímio de Azevedo, de ponteiro na mão, explicava o avanço de superfícies frontais e altas e baixas pressões atmosféricas que se encontravam desenhadas num quadro preto, numa espécie de 'bailado' de riscos, círculos e elipses. (...) era de tal forma persuasivo que algumas crianças da década de 1960 pensavam que era ele quem, de facto, mandava no tempo. Uma espécie de São Pedro que aparecia na televisão. (...) foi "um dos maiores profissionais portugueses de meteorologia e grande divulgador da meteorologia e da física do clima", diz o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) numa nota divulgada no seu site.» [parte do texto da Manuela Goucha Soares no Expresso]

6 comentários:

Timtim Tim disse...

Lembro-me bem, bem dele.

Bigodes de Nata disse...

Ohhh, não sabia... Ando mesmo desligada do mundo...
88 anos?? Não parecia nada...

Vespinha disse...

Era um senhor, humilde e um excelente profissional...

GATA disse...

TIMTIM TIM: as pessoas da nossa geração lembram-se bem do "Senhor do Tempo".

GATA disse...

BIGODES DE NATA: afinal o verdadeiro serviço público não é a RTP, é a GATA! :-) [...não sei se a foto é actual...]

GATA disse...

VESPINHA: ele era, de facto, um excelente profissional e, segundo consta, também uma excelente pessoa.