segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Bad Ink

Ontem descobri, no Canal Biografia, "Bad Ink". 

"Bad Ink" é uma série de reality-tv norte-americana que segue o tatuador DIRK VERMIN, proprietário do estúdio Pussykat Tattoo, e o amigo ROB RUCKUS, pela cidade de Las Vegas (conhecida como "a capital mundial dos erros") em busca de más - muito más! - tatuagens e mostra o seu excelente subsequente trabalho de transformação. 

Ao contrário das séries "Miami Ink", "LA Ink" e "NY Ink, "Bad Ink" é uma série entretida e divertida, graças aos carismáticos mas simpáticos DIRK e RUCKUS!

Nota de Rodapata: ontem eu vi os dois últimos episódios da primeira temporada, mas durante a semana terei que fazer uma 'maratona' e ver os doze episódios anteriores, porque no domingo estreia a segunda temporada!

11 comentários:

medusa disse...

conheço,e sim é diferente dos outros! gosto muito de programas de tatuagens, nem sei bem porquê.

M. disse...

Vou recomendar ao ser televisivo cá de casa :)

Gaja Maria disse...

Nunca vi, mas deve ser engraçado :)

hierra disse...

:) espreitei um episódio e achei muito engraçado!

Portuguesinha disse...

São tanto os novos estilos de programas que uma pessoa depois perde o interesse. (falo por mim). Esse BAD INK é um em que mostram as piores tatuagens de sempre, pessoas que se arrependem e que recorrem a eles para "emendar" o mal?

Eu gostava do "dirty Jobs", no Discovery, assim como os Mithbusters. No TLC cheguei a ver um que era sobre pessoas que iam a armazens abandonados para leiloar o interior às cegas, à procura de tesouros, no mesmo estilo tens um que vão a sítios abandonados tentar ver o que de valor lá se encontra e depois negoceiam a compra com os proprietários, recuperam e revendem. Tens os acumuladores, que fazem de seus lares lixeiras. Enfim, programas diferentes estão sempre a aparecer. Já viste algum dos mencionados?

GATA disse...

MEDUSA: eu gosto de programas sobre tatuagens, mas apenas para ver, não para querer fazer!

GATA disse...

M.: então recomenda porque é um programa entretido e divertido!

GATA disse...

GAJA MARIA: é engraçado, sim senhora!

GATA disse...

HIERRA: eu gosto, sobretudo, dos comentários do Dirk e do Ruckus!

GATA disse...

PORTUGUESINHA: o "Bad Ink" é sobre transformação de tatuagens, mas atenção: há um programa parecido chamado "Tattoo Nightmares" e houve, também, um programa chamado "America's Worst Tattoos".

No Discovery vi o "MythBusters" mas nunca vi o "Dirty Jobs".

No TLC vejo "What Not To Wear", "Long Island Medium", "Extreme Beauty Disasters"... e via "Mob Wives", "Breaking Amish", "Little People, Big World"... adorooo o 'Tele-Lixo-Canal! :-)

PT disse...

Adoras mesmo ehehe!
A maioria desses não me atrai. Existe um tipo de TV-trash, um que é evidentemente muito fabricado, que me repele. Mencionas alguns. Outros, enquanto novidade, ainda interessam, depois podem fazer alguns twists mas tornam-se pouco apelativos.

O dirty jobs acho que ias ADORAR! Um tipo (com formação em cantor de ópera mas agora apresentador) oferece-se para trabalhar um dia nos piores trabalhos do mundo. É divertido porque ele tem um humor satírico, por vezes as piadas que fazia nesses empregos chateavam quem os fazia todos os dias, outras vezes não paravam de rir. E também interessava porque muitos eram de risco de vida, certamente. Ele foi trabalhar num curtume de métodos tradicionais, ele limpou o interior dos tubos de submarinos, ele andou dentro de máquinas gigantes e cheias de lâminas, ele apanhou crocodilos, enfim, ele, uma pessoa comum, prestava-se aos "Dirty Jobs" todos. E lamentava sempre que ainda não tivessem inventado a SMELL TV, porque muitas vezes ele andava metido em coisas fétidas até à boca. Ias gostar de ver.

Ah, lembrei que tens o maravilhoso mundo do Youtube para te auxiliar:

https://www.youtube.com/watch?v=Ak1umAB0Rn8

https://www.youtube.com/watch?v=4R7eqMug-wo